O melhor colchão da atualidade

img mola ensacada 300x97 O melhor colchão da atualidade

O colchão de molas ensacadas propicia conforto e adequação perfeita ao corpo (função ortopédica)

Quando alguém decide que chegou a hora de comprar um novo colchão é fato que fará questão de comprar o melhor que seu dinheiro possa pagar. Mas com a grande quantidade de opções disponíveis (embora colchões de mola e colchões de espuma sejam os dois grandes grupos de produtos dos quais o comprador deva escolher) fica bastante complicado de alguém que não tenha a formação técnica adequada fazer uma boa escolha.

mola bonnell 300x202 O melhor colchão da atualidade

Mola Bonnel: componente do colchão mais vendido do mercado

Considerar apenas dois tipos de colchão (mola e espuma) simplifica bastante a vida do comprador, e no fim das contas o que deve decidir uma compra é sempre qual será o colchão mais confortável na percepção da pessoa (ou do casal) que vai utilizá-lo.

A experiência mostra, contudo, que o colchão de mola pode causar uma certa estranheza a usuários já muito acostumados ao colchão de espuma. Porém, caso a pessoa queira dar a si mesma um tempo para que seu corpo se acostume ao novo colchão, é extremamente provável que ela nunca mais queira voltar a deitar-se para dormir em um colchão de espuma.

O melhor colchão de mola existente no momento é o de molas ensacadas invididualmente, ou mola pocket (como chamam alguns fabricantes).

molas pocket 300x202 O melhor colchão da atualidade

molas ensacadas individualmente

Normalmente, o colchão de mola ensacada custa um pouco mais caro que o colchão de mola Bonnell, que é o modelo mais vendido atualmente. Mas engana-se quem pensa que o sucesso de vendas deste colchão está atrelado apenas ao preço mais acessível: devido ao seu sistema de molas bicônicas ele se mostra extremamente confortável, enquanto que o pocket é mais firme (por conter mais molas na mesma área de colchão).

Já o melhor colchão de espuma da atualidade é o de densidade real. Ou seja: aquele cuja espuma é fabricada com matéria prima de alta qualidade e sem carga externa.

A fim de reduzir custos de produção alguns tipos de espuma apresentam em sua composição um certo percentual de materiais complementares ditos impuros, o que faz com que o colchão tenha a mesma densidade (ou seja, a massa do colchão em uma determinada área) mas não a mesma capacidade de sustentação.

Ao escolher um colchão de espuma é indispensável consultar a tabela de adequação de densidades, para garantir a durabilidade proposta pelo fabricante e o cumprimento de sua função ortopédica.

Por fim, podemos citar que a maioria dos fabricantes de colchão dispõem de uma mola exclusiva, com um nome também exclusivo. Podemos dizer que estas molas são um híbrido entre Bonnel e molas ensacadas individualmente. A proposição inicial desta mola é de propiciar um colchão tão confortável quanto o de molas Bonnel com uma capacidade de sustentação compatível com o de molas ensacadas individualmente.

Alguns fabricantes oferecem colchões chamados de “molejo ensacado”: uma caixa de molas Bonnel ou dessa mola exclusiva acima citada envolvida por um tecido (TNT), que é o mesmo que se usa nas molas ensacadas individualmente; nesta modalidade o conjunto de molas torna-se mais firme, ocasionando um ganho em termos de conforto percebido.

Atenção: o texto acima ampara-se no direito fundamental à manifestação do pensamento, previsto nos arts. 5º, IV e 220 da Constituição Federal de 1988. Vale-se do “animus narrandi”, protegido pela lei e pela jurisprudência (conferir AI nº 505.595, STF).

  

42 Comentários